19 junho 2005

Tudo que sobe tem que descer?

É foda querer falar alguma coisa que pode chocar a sociedade. Ser muito sincero pode ser fatal... Porque posso falar as coisas da cabeça, porque posso falar as coisas dos olhos, porque posso falar as coisas da garganta, porque posso falar as coisas do coração, porque posso falar as coisas do estômago... mas da sexualidade e da energia vital, não. É feio. Desejos são feios. Nossos corpos devem ser escondidos. Pensar em ganhar em cima de tudo é bonito. Sexualidade é feio. Explorar a natureza até a última gota de seiva morta é normal. Sexualidade fora do padrão é aberração. Vai entender os valores de uma sociedade na qual a decadência chegou a esse ponto...

O texto das princesas e vagabundas pode não ser bem claro nesse sentido, mas as princesas mais deliciosas são vagabundas de noite. E algumas das vagabundas mais filhas da puta são princesas de noite. O que define uma princesa e uma vagabunda está bem longe dos chakras sexuais. Está na mente. Na cabeça, olhos, garganta e coração (e estômago??)... Será que sou preconceituoso? Será que existe mesmo isso de nobreza? Não, acho que não existe e é tudo na minha cabeça. Mas tudo bem, como aqui dentro funciona assim, melhor manifestar assim mesmo...

E falando da sexualidade...

Então será que o que uma mulher (eu digo uma mulher escolhida na multidão...) deseja é um pau que bate na mesa e quica? A resposta vc pode postar aqui... Dar é uma forma de obter proteção? Foda poder pensar...

E será que um homem (escolhido nas mesmas condições...) deseja espalhar sua porra por tudo quanto é canto que seus descendentes sejam milhões e se fodam por gerações e gerações num mundo aonde comer e trepar ainda é o que move tudo?


Só digo uma coisa...
é foda poder pensar.

Divertido demais.
Mas é panque.

E pior de tudo é não se satisfazer com o que o mundo exige de nós. Sobreviver. Crescer e se reproduzir. Nossa natureza material. Aí, buscar o que aonde? Na nossa mente o limite é o infinito.

"As long as I know how to love, I know I'll be alive. I've got all my life to live. I've got all my love to give. I will survive!"

TRADUÇÃO 98FM DA CLAUDINÉIA DO BOQUEIRÃO PRO CARLOS DO CAPÃO! "Enquanto eu souber amar, eu sei que eu estarei vivo. Eu tenho toda minha vida pra viver. Eu tenho todo meu amor pra dar. Eu vou sobreviver!"

OV CORSE... I WILL SURVIVE - SUGESTÃO VERSÃO CAKE
DIA 06 DE AGOSTO, SE TUDO DER CERTO, EM CURITIBA!!! =) YEZZZZZZZZZZ!!!

Um comentário:

Kátia disse...

É verdade. Ainda é difícil falar de sexo sem pudores. Tá mais leve, mas continua. Eu acho que ficou claro no texto sobre vagabundas e princesas o que vc queria dizer. O que diferencia elas é a cabeça, num é naum? Não a sexualidade. Quanto às duas perguntas... puts, cadum é cadum né?! hehe